Now Playing Tracks

Poucas coisas na medicina me tocaram tão profundamente a alma quanto a pediatria neonatal.
Não foi uma escolha de aptidão, conveniência, lógica ou experiência, foi uma escolha de alma. Algo que não consigo entender, que dirá explicar. Algo que vem guardado de outro momento do tempo, outras vidas, acumulado, mas enfim aflorado. Tentei bravamente resistir! Estava determinada a guiar pacientes ao mais nobre sono farmacológico (anestesia 😴). Esforço em vão.
Mas tive sorte! Encontrei nessa caminhada preceptores maravilhosos e colegas amorosos ❤
Peço a Deus que me guie e me faça merecedora de tamanha responsabilidade e honra, que é acompanhar os primeiros momentos desses anjinhos no mundo.

To Tumblr, Love Pixel Union